22/12/14 15:58

Um Presente de Natal a Jesus

O que daremos a Jesus neste Natal? Bem faríamos nós se neste Natal abríssimos os nossos tesouros e entregássemos as nossas ofertas ao nosso Salvador. Seria muito oportuno que no Natal a tesouraria da Igreja recebesse abundantes recursos para a obra de Jesus Cristo.

Mas é difícil é dar presentes, não é mesmo? Uma das coisas mais difíceis de se fazer é dar presentes. Sabe por quê?

Os preços são altos e nosso dinheiro é pouco. Não sabemos o que escolher, será que ele/ela vai gostar? E os presenteados? É um grande número de pessoas esperando receber presentes. Para quem vamos dar? Temos nossas limitações; não podemos dar para todos!

Mas não há essa dificuldade toda se queremos presentear a Jesus, porque Ele já especificou o que Ele quer receber neste Natal, e o que Ele pede está ao alcance de todos. Hoje queremos falar sobre o mais precioso de todos os presentes que podemos entregar a Jesus. Nós o encontramos em Provérbios 23:26: "Dá-me, filho meu, o teu coração."

Portanto, não precisamos ficar em dúvida a respeito do presente que o Salvador deseja de nós neste Natal, pois Ele mesmo especifica no texto lido: "Dá-Me, filho Meu, o teu coração". Este é o mais sublime pedido que você encontra na Bíblia. Na realidade, é o único pedido que Deus faz ao homem; todos os outros pedidos estão dentro deste pacote.

A BÍBLIA TEM MUITO A DIZER SOBRE O CORAÇÃO

O que é o coração? Para a Ciência: é uma víscera, um órgão. Para a Fisiologia: é um músculo. A Medicina vê no coração uma bomba que distribui o sangue para todo o organismo. Mas no sentido bíblico (e esse é agora o sentido universal), no sentido figurado: O coração é a fonte dos nossos pensamentos, dos sentimentos. É a sede da vontade, a origem de nossas afeições. Portanto, o coração no sentido bíblico é a mente. Deus pede a nossa mente, a fonte dos pensamentos, a origem de nossa vontade. Quando Deus pede o coração, Ele quer dizer a mente completa, a nossa vontade, o nosso eu individual.

Se nós dermos o nosso eu individual, se dermos a nossa vontade, se dermos a nossa mente sem reservas, teremos dado tudo o que somos, tudo o que temos.

A Bíblia não faz nenhum elogio ao coração do homem. Disse o profeta Jeremias: "Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?" (Jeremias 17:9). E Cristo completou: "Porque de dentro, do coração dos homens, é que procedem os maus desígnios, a prostituição, os furtos, os homicídios, os adultérios, a avareza, as malícias, o dolo, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura" (Marcos 7:21, 22).

A Bíblia fala muito sobre o coração; ela descreve o coração com muitos adjetivos. Numa Concordância Bíblica é possível encontrar os seguintes atributos que descrevem os vários estados do coração humano:

Coração em guerra - (Salmos. 55:21)
Coração ímpio - (Jó 36:13)
Coração insensato - (Salmos. 14:1)
Alegre - (Provébios. 17:22)
Triste - (Neemias. 2:2)
Ferido - (Salmos. 109:22)
Turbado - (Salmos. 143:4)
Perverso - (Provérbios. 17:20)
Maligno - (Provérbios. 26:23) 
Enganado - (Isaías. 44:20)
Seduzido - (Jó 31:9)
Fraco - (Ezequiel 16:30)
Enfermo - (Isaías 1:5)
Ousado - (II Crônicas 17:6)
Soberbo - (II Crônicas 25:19)
Exaltado - (II Crônicas 32:25)

Jesus pede apenas o coração. Um coração é algo que todos têm: Ricos e pobres, sábios ou iletrados, fracos ou fortes – todos têm um coração para dar. É um pedido que todos podem dar: Jesus não pede o que nos é impossível. Ele conhece as nossas limitações, e só pede o que está ao nosso alcance. Entretanto, Jesus pede, mas não exige. Ele não força a nossa vontade. Ele respeita o nosso livre arbítrio.Embora tão tristemente desqualificado, Jesus assim mesmo pede o nosso coração. E se você sente o chamado, se você ainda ouve Suaa voz falando à sua consciência, ainda há esperança. Ele continua dizendo: "Dá-M, filho Meu, o teu coração!"

POR QUE DEUS PEDE O CORAÇÃO?

Mas por que Ele quer um coração enfermo, maligno, pecaminoso, triste? Por que Jesus pede esse coração rebelde, em guerra, esse coração turbado, enganoso? Temos a Sua resposta em Ezequiel 36:26, 27: "Dar-vos-ei coração novo e porei dentro de vós espírito novo; tirarei de vós o coração de pedra e vos darei coração de carne. Porei dentro de vós o Meu Espírito e farei que andeis nos meus estatutos, guardeis os meus juízos e os observeis."

Não poderia existir coisa mais sublime, mais elevada e nobre: Você já viu coisa igual? Alguém já lhe disse: "Dá-me a sua casa velha, porque eu quero lhe dar uma casa nova!","Dá-me o seu carro velho, porque eu vou lhe dar um carro novinho em folha!" ou "Me dá esse seu sapato imprestável, eu lhe darei um sapato novo!"

Jesus pede seu velho coração para trocá-lo por um novo coração. Jesus hoje nos diz: "Dá-Me, filho Meu, o teu coração", para que Eu possa trocá-lo por um novo coração. Dá-Me o seu coração cansado; dá-Me o seu coração triste, abatido, esse coração poluído pelo pecado, esse coração fraco e tremente, que Eu lhe darei um novo coração. Só o amor infinito poderia conceber tal dom – o dom de um novo coração, que resulta em uma nova vida, um novo caráter transformado à imagem de nosso Criador.

Você gostaria de entregar hoje o seu coração a Jesus? Você gostaria que Jesus Cristo entrasse na sua vida, realizando uma transformação completa, trocando o seu velho coração por um novo? Como você responderá ao pedido de Jesus: “Dá-Me, filho Meu, o teu coração”?. “Hoje se ouvirdes a Sua voz, não endureçais o vosso coração” (Hebreus 4:7).

Qual será a sua resposta?

  

FONTE: www.NistoCremos.net